Blog

Destinos Internacionais

Por Klas Viagens | 02/07/2018 às 00:00:00

ÁFRICA: um continente inteiro de encantos, história e belezas naturais

ÁFRICA: um continente inteiro de encantos, história e belezas naturais
A África é o terceiro maior continente, atrás apenas da Ásia e da América, é o paraíso dos safáris, das milhares de espécies de animais e cultura ímpar.

Banhado pelo Mar Mediterrâneo, Oceano Índico e Oceano Atlântico, seu maior país é a Argélia, e o menor Seychelles. Sua população é calculada em mais de um bilhão de habitantes, distribuídos em mais de 30 milhões km², resultando em mais de 30 habitantes por quilômetro quadrado.

Formado por 54 países, no continente são faladas diversas línguas e dialetos locais, devido as diferentes colonizações. Em grande parte deles não há muita burocracia para a entrada de turistas brasileiros, sendo essencial a vacina contra febre amarela com registro no certificado internacional de vacinação, comprovante de hospedagem, passagem de volta e passaporte válido por três meses.

África do Sul

Ao norte do continente, conhecido como África Brancaestão os povos caucasoides e semitas; Ao sul, chamado de África Negra, encontram-se os povos pigmeus, bosquímanos, hotentotes, sudaneses e os bantos. Segundo um estudo divulgado pela Conferência das Nações Unidas sobre Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD), com a chegada dos turistas no continente os empregos aumentaram em 6% e as receitas a subiram 9% em cada ano, entre 1995 e 2014.

As receitas totais do turismo triplicarem e em 2014 chegaram ao valor de 47 mil milhões de dólares, equivalendo a 8,5% do Produto Interno Bruto (PIB) do continente.

 

África do Sul (Joanesburgo;  Kruger Park; Cape Town)

A África do Sul, um dos países mais visitados do continente, possui muitas atrações, desde praias paradisíacas, divididas entre o Oceano Atlântico e Índico, safaris, vinícolas e esportes radicais. Com 11 idiomas oficiais, o inglês e africâner como principais, o país recebe muitos brasileiros, só em 2017 foram 176% a mais, se comparado ao mesmo período de 2016, segundo o South African Tourism, escritório do turismo sul-africano.

Capital da província de Gauteng e a maior cidade do país, com mais de cinco milhões de habitantes, Joanesburgo é um destino urbano maravilhoso para começar sua visita à África. Antigo lar de Nelson Mandela, a cidade possui diversos restaurantes, shoppings, atrações e é um bom ponto turístico o ano todo.

 Museu do Apartheid - África do Sul

Entre as visitas que não podem ficar de fora da sua viagem está o Museu do Apartheid. O Museu é uma verdadeira imersão na história do país, em toda a sua caminhada marcada pela segregação e os conflitos armados da década de 90. A sede da Corte Constitucional da África do Sul, um dos principais pontos turísticos de Joanesburgo, chamada de Constitution Hill também deve estar no roteiro de quem não abre mão de conhecer a história do local visitado.

Com vista para a cidade e para o subúrbio, o prédio foi uma fortaleza militar e prisão, inaugurada em 1893 para receber prisioneiros brancos, durante o Apartheid. Durante a visita você pode conhecer a salada da Corte constitucional e o interior da prisão, para entender como era a vida dos prisioneiros.

Joanesburgo - África do Sul

Se desejar conhecer a cidade do alto, você pode ir até o Carlton Center, prédio com 50 andares e um mirante, chamado Top of Africa, de onde pode ser admirado os estádios da Copa do Mundo de 2010, as principais avenidas da cidade e o pôr do sol mundialmente famoso. Bem próximo está a Gandhi Squere, praça em homenagem a Mahatma Gandhi, que morou na cidade por mais de 20 anos e defendeu os hindus durante o Apartheid.

Jardim Botânico - África do Sul

Para se conectar a natureza, você pode aproveitar um passeio pelo Jardim Botânico da cidade, construído em um antigo campo de golfe com 80 hectares. Se você é apaixonado por animais e foi até a África para ter uma experiência única com eles, não deixe de visitar o Lion Park, que está bem próximo a cidade. Lá você pode ver diversas espécies de animais da savana africana, alimentar as girafas e brincar com os filhotes de leão. O parque é mundialmente conhecido pelo seu trabalho de preservação dos animais africanos.

Lion Park - África do Sul

Não deixe de conhecer também o Soweto, uma das maiores comunidades negras do mundo, onde é possível conhecer e viver a cultura local; O Gold Reef City, um dos maiores parques de diversões da região, que possui atrações para adultos e crianças, com um complexo de cassinos e restaurantes; E o Zoológico de Joanesburgo, um dos maiores do país.

Para conhecer a maior área protegida de fauna bravia da África do Sul, visitar o Parque Nacional do Kruger é indispensável. Sair de Joanesburgo é a melhor e mais rápida opção de deslocamento, para encontrar mais de mil espécies diferentes de animais, entre mamíferos, pássaros, anfíbios, peixes e répteis.

Safári no Kruger Park - África do Sul

Entre as diversas atividades para fazer no parque, o safari é a mais procurada pelos turistas. Você pode se hospedar dentro da reserva, em um dos doze Main Rest Camps, ou em reservas privadas ao redor do parque. O importante é estar o mais perto possível da natureza, para encontrar os BIG FIVE, animais mais buscados durante os safaris: elefante, leão, bufálo, leopardo e rinoceronte.

A melhor época para embarcar nessa aventura é entre março e setembro, quando as árvores estão com poucas folhas e a vegetação baixa, devido ao inverno. Característico da estação, as chuvas escassas fazem com que os animais fiquem aglomerados próximos às nascentes dos rios durante a manhã e no final da tarde, o que facilita a observação. Geralmente são nestes dois horários que acontecem os safaris.

É seguro fazer um safari? Veja 7 dicas que você seve saber antes de visitar a África do Sul.

Descubra novos caminhos, descubra a África do Sul.

Pacotes Relacionados

0 Comentários

Deixe seu comentário

Galeria Fotos

    Ligamos pra você

    Nós ligamos pra você

    Enviar