Blog

Dicas de Viagem

Por Klas Viagens | 04/11/2019 às 08:00:00

Dicas e curiosidade sobre Cruzeiros Marítimos.

Dicas e curiosidade sobre Cruzeiros Marítimos.
Viajar de navio é o sonho de muitos viajantes. Porém, como é algo fora do comum do padrão das viagens, ainda restam algumas dúvidas se vale a pena investir nessa experiência. Confira nesse post as dicas e curiosidade de ser fazer uma viagem de cruzeiro.

 

Os Cruzeiros Marítimos oferecem um ótimo custo-benefício, pois tiram a necessidade de se preocupar com todos os detalhes que uma viagem por terra exige, como reserva de hotel, transporte, deslocamento e alimentação. Para cruzeiros, todos esses detalhes estão inclusos, além do conforto, opções de alimentação e entretenimento. 

O Cruzeiro Marítimo é um tipo de viagem totalmente diferente do que as viagens tradicionais, como ir ao destino, ficar hospedado em uma ou mais cidades e passar alguns dias conhecendo o local. Nos cruzeiros, existem diversos destinos no roteiro, mas o tempo para conhecer e aproveitar cada local é curto, muitas vezes apenas um período do dia.

Existem diversos tipos de cruzeiros, desde os que duram 3 dias, ou até mais de 100 dias de navegação. A maioria reserva um dia ou mais apenas para navegar, sem parar em algum destino. Deixando esse tempo livre para aproveitar as opções de atividades que há no navio.

Os cruzeiros até cinco dias, são denominados mini-cruzeiros, pois passam por poucos destinos e não completam uma semana. A partir de sete dias, os cruzeiros já se caracterizam como cruzeiros normais.

Viajar em um cruzeiro traz a oportunidade de acordar cada dia em um destino diferente. Com isso, é possível conhecer vários lugares em um curto espaço de tempo, tendo a experiência cultural e vivência do local.

Durante as escalas, é possível se manter no interior do navio. O cruzeiro disponibiliza uma programação especial para os hóspedes que optam em permanecer ali. Além disso, é possível aproveitar as atrações da embarcação sem que a maioria dos passageiros esteja a bordo.

Um navio de cruzeiro é construído em até 3 anos, custa em média R$2,5 milhões e pode ser tão alto quanto um prédio de 16 andares. A média de passageiros é de 4 mil pessoas a bordo, os maiores podem levar até 6 mil pessoas. Em uma semana, são mais de 150 mil refeições preparadas na maioria dos navios de cruzeiro.

A moeda oficial dentro dos navios é o dólar, independentemente do país de origem. Tudo comprado a bordo, que não está incluso, deve ser pago em dinheiro ou cartão de crédito internacional. Não são aceitos cheques e, na maioria das embarcações, cartão de débito.

São muitas as regiões de destinos disponíveis para cruzeiros marítimos, algumas delas são a América do Sul, Caribe, Europa, Emirados Árabes e a Ásia. A América do Norte, normalmente, faz parte dos roteiros com a América do Sul ou Caribe. A região que mais recebe navios cruzeiro no mundo é o Caribe. 

 MSC Bellissima | Foto: MSC Cruzeiros

 

A escolha do Cruzeiro Marítimo

Para uma primeira viagem, é ideal a escolha de minicruzeiros, para analisar se gosta da forma de viagem e se adapta ao movimento do navio – que mesmo pouco, é existente. Uma viagem maior é ideal para aproveitar tanto as atividades dentro do navio, quanto os destinos que o cruzeiro irá atracar.

Se a intenção é conhecer mais os destinos, procure roteiros que tenham poucos dias aplicados para a navegação. Se quiser aproveitar a programação do navio, considere os roteiros que tenham mais dias em alto-mar. 

A escolha do cruzeiro marítimo dependerá, primeiramente, dos destinos que quer conhecer. Defina os locais que prefere que o navio navegue e o tempo de viagem. Quanto mais tempo de cruzeiro, mais destinos podem haver no roteiro e mais tempo para aproveitar cada local.

Durante o planejamento da viagem, busque chegar na cidade de embarque pelo menos uma noite antes do cruzeiro, para evitar atrasos na viagem aérea, por exemplo. Se optar por chegar antes é ainda melhor, pois é possível aproveitar este tempo para conhecer mais um destino. Não esqueça que os cruzeiros marítimos seguem rigorosamente os horários, mantenha tudo programado para não haver atrasos.

Piscina do MSC Seaview | Foto: MSC Cruzeiros 

A cabine

Existem quatro categorias padrão de cabines, que variam de acordo com a companhia marítima. Os tipos de cabines são: internas, externas, com varanda e suíte. Todas têm as necessidades básicas, alteram apenas o local que elas ficam no navio, o espaço e o que há na cabine. 

As cabines internas não possuem janelas, ficam localizadas no interior do navio. Elas oferecem conforto básico, são menores e por este motivo, com valores mais baixos. Mesmo que com pequenas dimensões, são cuidadosamente decoradas para dar sensação de amplitude. Os equipamentos são confortáveis e comportam todos os itens necessários para garantir boa hospedagem. É uma ótima opção para quem quer aproveitar as atividades do navio e utiliza o quarto apenas para descanso.

As cabines externas são bastante parecidas com as internas, a maior diferença é que elas têm janela, que dependendo do navio, pode ou não ser aberta. As janelas permitem maior luminosidade para o quarto. O tamanho da cabine é similar à interna. As acomodações externas costumam ficar na parte inferior do navio.

A cabine com varanda possui uma sacada privada para que o passageiro possa aproveitar a vista para o mar, sem janela fechada. Em alguns navios, há espreguiçadeiras, cadeiras ou mesas, deixando o espaço mais aconchegante. As cabines desta categoria costumam ter maiores dimensões, comparadas as cabines internas e externas, oferecendo mais conforto.

A suíte é a opção que mais oferece conforto aos hóspedes. Também dispõe de varanda, que podem ser maiores ou de mesmo tamanho. As cabines são maiores e além de proporcionarem mais conforto, algumas companhias disponibilizam alguns privilégios para os passageiros que fizerem esta escolha. Os quartos, na maioria das vezes, possuem um lounge com sofás, cama king size e banheira. Normalmente, as suítes ficam localizadas nas melhores áreas do navio, como as partes mais altas, mais silenciosas e com a melhor vista. Na suíte, é possível hospedar uma família ou mais de um casal, pois são espaçosas e possuem quartos separados.

 Cabine externa com varanda do MSC Preziosa | Foto: MSC Cruzeiros

 

Serviços

Cada navio de cruzeiro oferece serviços diferenciados. Afinal, essa é mais uma característica pela qual os tornam únicos. As opções de atividades incluem piscina, jacuzzi, brincadeiras, shows, cinema, oficinas, SPA, salão de beleza, palestras, atividades físicas coletivas – como aula de dança – pista de corrida, academia.

Algumas atividades são fornecidas em apenas alguns navios, como cassino, mini golf, quadra de tênis, basquete, vôlei, parque aquático, tirolesa e até pista de boliche e simulador de fórmula 1. Fique atento, pois algumas são pagas a parte.

Durante a parada nos portos, os passageiros que escolhem descer do navio para conhecer mais as cidades, podem aproveitar para explorar o local por conta própria ou contratar um dos pacotes de excursões oferecidos nos destinos que fazem parte do roteiro.

A MSC Cruzeiros, por exemplo, conta com fornecedores de qualidade e de muita confiança, com guias cadastrados para operarem os passeios nos destinos. É possível contratar o serviço a bordo do navio ou com a sua agência de viagens.

MSC Aurea SPA | Foto: MSC Cruzeiros

 

Dicas para a primeira viagem

As companhias marítimas buscam sempre a melhor organização e isso começa desde antes do navio sair para navegar. Após emitir o check-in online, contará a informação sobre o horário do embarque, para isso, tente chegar no horário, pois a maioria das empresas de navio cruzeiro designam vários horários para que os passageiros possam embarcar em grupos, sem muito tempo de espera. Ou seja, no seu cartão de embarque consta o horário do seu check-in, é ideal manter a organização disposta pela empresa.

Assim como em um aeroporto, o passageiro irá passar por um balcão, para mostrar a documentação necessária e deixar a bagagem. Neste momento, é entregue um cartão de bordo, que funcionará como uma identificação durante toda a viagem. 

No cartão de bordo, são registrados todos os gastos extras que o passageiro tiver a bordo, como as bebidas, compras no Duty Free, excursões enquanto o navio está atracado e gastos com as atividades que não estão inclusas no pacote. Além disso, através do cartão é possível ter o registro de entrada e saída do navio em todos os destinos que atracar. 

As roupas mais utilizadas durante a navegação são as mais frescas e confortáveis – isso quando os destinos são praias e lugares quentes, pois há cruzeiros que passam pela neve. Busque escolher roupas que ocupam pouco espaço, afinal, não há muitos armários nas cabines. Shorts, camisas, bermudas, saias, camisetas, vestidos, saídas de praia e roupas de banho serão o vestuário que mais irá usar. Para o jantar com o comandante, as roupas são mais formais.

Para os cruzeiros internacionais nos países do Mercosul, os brasileiros devem apresentar a carteira de identidade (RG), em bom estado e com no máximo 10 anos de emissão, ou passaporte com validade de pelo menos 6 meses. 

Nos cruzeiros internacionais que têm como destino países de outros continentes, os brasileiros devem levar o passaporte válido para todos os países que o navio faz escala, com validade de até 6 meses. Além disso, dependendo do país que o navio irá atracar, é necessário ter o visto de entrada no país. É recomendado que antes de comprar o pacote para navios do exterior, verifique as exigências dos países que fazem parte do roteiro. 

Da mesma forma que é necessário visto para a entrada, alguns países exigem que os passageiros tenham o certificado de vacinação que, normalmente, é contra a Febre Amarela, emitido pela Anvisa. 

Para economizar um pouco mais, uma dica muito importante é comprar o que for possível antes de embarcar. Se você fizer uma viagem de cruzeiro com a MSC, por exemplo, é possível adquirir as excursões, pacotes de bebidas, tratamentos no SPA e outros serviços a bordo. Porém, o pagamento deve ser feito em dólar. Se esses serviços forem comprados diretamente na agência, é possível pagar em real e de forma parcelada.

 

Cruzeiros pela América do Sul

Explorar a América do Sul a bordo de um navio é uma experiência única. Os roteiros possibilitam conhecer mais de dois países e dependendo da duração do cruzeiro pode chegar próximo de 10 países percorridos no destino.

Os Cruzeiros Marítimos que passam pela costa da América do Sul têm como principais destinos a Argentina e o Uruguai. Outras opções também navegam pelo Chile, Ilhas Malvinas, Peru, Colômbia, Equador e até Antártida.

São duas opções de cruzeiros, os que passam por praias belíssimas, com muito calor e os cruzeiros que fazem expedições na neve. Como alguns que navegam próximo aos glaciais da Argentina ou Chile e até mesmo chegam na Antártida e Ilhas Malvinas.

Na América do Sul também é muito comum os cruzeiros pela costa brasileira. Os principais embarques acontecem nos portos das cidades do Rio de Janeiro e Santos, em São Paulo. Dessas duas cidades partem cruzeiros para Argentina e Uruguai, Nordeste e Sul do Brasil.

Em uma viagem de cruzeiro para o Nordeste é muito comum que os navios parem nos portos de Salvador e Ilhéus, na Bahia. Já no Sul, os cruzeiros vão até Balneário Camboriú e Itajaí, que receberá na temporada de cruzeiro 2020 o MSC Sinfonia.

Os minicruzeiros são muito famosos também na costa brasileira. Apesar do nome, não significa que é um barco pequeno, são os mesmos grandes navios só que com tempo de viagem menor, em torno de umas 3 noites.

A temporada de cruzeiro na costa brasileira começa em novembro e, geralmente, vai até março do ano seguinte.

 

Cruzeiros pelo Caribe

O Caribe é o destino mais procurado para fazer cruzeiro marítimos, isso porque muitas pessoas buscam calor em diversos períodos do ano, e vão para o Caribe para alcançar esse objetivo. Além disso, o local é repleto de ilhas, e o cruzeiro é a forma ideal para conhecer muitas das ilhas em um curto período e por um valor mais acessível.

As águas caribenhas são bastante famosas e por mais esse motivo a quantidade de cruzeiros é alta na região. Muitos desses cruzeiros saem da América do Sul em direção às ilhas ou pelo porto de Miami, nos Estados Unidos.

Há cruzeiros que saem do Canadá, navegam pelos Estados Unidos até as ilhas do Caribe, vão para a Europa e atracam em algumas praias. Uma oportunidade incrível para conhecer diversos destinos em apenas uma viagem.

Os destinos que navios de muitas companhias marítimas atracam são: Jamaica, Ilhas Cayman, México, Estados Unidos, Bahamas, Porto Rico, Ilhas Virgens, St. Maarten, Honduras, Belize, Costa Rica, Panamá, Colômbia, Martinique, Guadalupe, Santa Lucia, Barbados, Granada, Trindade, Tobago, São Vicente, Granadinas, Antilhas Holandesas e Dominica.

 

Cruzeiros pela Europa

Viajar pela Europa é uma experiência incrível. São diversas possibilidades para ir de um país a outro, como carro, avião, trem e até navio. Os cruzeiros marítimos navegam por diversas regiões do continente, como pelo Mar Mediterrâneo, pelo norte da Europa – como Rússia, Noruega e Suécia – e pelo Oceano Atlântico – Portugal, na Espanha e França.

Os países que os navios atracam são a Itália, Montenegro, Grécia, Espanha, França, Croácia, Albânia, Portugal, Malta, Israel, Chipre, Alemanha, Reino Unido e Gibraltar.

 

Cruzeiros pela África

Os cruzeiros que navegam pelo continente africano percorrem diversos países bastante turísticos. Os atrativos da África vão muito além de safáris e selva, são praias paradisíacas que normalmente passam despercebidas nos roteiros.

As principais cidades que fazem parte dos roteiros de cruzeiros marítimos no continente são a África do Sul, Moçambique, Emirados Árabes, Oman, Bahrain, Catar, Marrocos, Egito e Ilhas Maurícias.

 

Cruzeiros pela Ásia

A Ásia é o continente mais populoso do mundo, são mais de 4 bilhões de habitantes. Apesar de ser um lugar gigante, tem nove países a menos que a África, por exemplo, o que mostra que os países asiáticos são de grande extensão. Para trafegar de um para o outro com conforto é necessário ir de avião. O cruzeiro possibilita conhecer diversos países sem perder muito tempo.

O continente não costuma receber muitos navios de cruzeiros, mas tem roteiros encantadores e que podem proporcionar diversas experiências. Os países que mais recebem cruzeiros são o Japão, China, Jordânia, Israel e a Índia.

 

Sobre a experiência MSC Yacht Club

A MSC pensou em tornar a experiência de embarcar em um cruzeiro marítimo ainda melhor, a empresa trouxe em alguns navios o MSC Yacht Club, que se tornou em um novo conceito de luxo e privacidade.

Os navios de cruzeiro são gigantes, mas carregam em média 4 mil passageiros, então para manter a privacidade e frequentar lugares que não ficam muito cheios é uma tarefa complicada. A experiência MSC Yacht Club proporciona ambientes reservados apenas para esses passageiros.

Os benefícios da experiência começam desde a chegada ao navio. Os passageiros são direcionados à check-in exclusivos, com uma entrada específica para embarcar no navio e um mordomo para o acompanhamento até a cabine. Este mordomo ficará disponível durante 24 horas aos passageiros. Ele será responsável por mostrar aos hóspedes a experiência Yacht Club.

As cabines Yacht Club oferecem maior tranquilidade e luxo aos hóspedes, tudo é pensado no bem-estar dos passageiros. A MSC manteve a atenção em cada detalhe, como a roupa de cama, feita de algodão egípcio, colchões extremamente confortáveis, menu de travesseiros, banheiro em mármore, roupões de banho e tudo que for necessário para tornar a experiência inesquecível.

Serviço de mordomo 24 horas no MSC Yacht Club | Foto: MSC Cruzeiros

As suítes são divididas em três categorias, como a Suíte Royal, a Suíte Deluxe e a Suíte Executiva e Familiar. Todas contam com camas de solteiro ou casal, ar condicionado, amplo armário, banheiro com duchas maiores ou banheira, dependendo do navio, além de TV interativa, telefone, minibar e cofre.

Das categorias, a Suíte Royal possui banheira de hidromassagem privativa e mesa para refeições na varanda. Disponíveis exclusivamente nos navios: MSC Bellissima, MSC Seaview, MSC Seaside e MSC Meraviglia.

Além de todas essas experiências prazerosas, os hóspedes do MSC Yacht Club podem desfrutar de restaurantes à lá carte exclusivos, com variedade de pratos gourmet e o melhor da cozinha internacional. Além disso, há uma vasta variedade de bebidas, que incluem vinhos finos, para acompanhar a refeição.

Os hóspedes ainda têm a possibilidade de utilizar uma piscina privativa, o MSC Yacht Club conta com o solário, banheiras de hidromassagem e piscina exclusiva para os passageiros. Podendo degustar bebidas servidas pelo Bar & Grill.

O MSC Aurea Spa está disponível para todos os passageiros do cruzeiro, mas aos hóspedes do Yacht Club faz parte da cortesia oferecida. Disponível para relaxar em todos os momentos do cruzeiro.

Os passageiros do Yacht Club têm acesso ao Top Sail Lounge, com bebidas, aperitivos e sobremesas ao longo do dia. É um ambiente relaxante que dispõe de música calma e vista panorâmica, perfeito para admirar o mar.

Top Sail Lounge do MSC Yacht Club no MSC Bellissima | Foto: MSC Cruzeiros

Além disso, os hóspedes têm acesso aos espaços do navio, como bares, lounges, espetáculos teatrais estilo Broadway, atividades recreativas, cassinos, baladas e muito mais. Durante os passeios pelos destinos que fazem parte do roteiro, é possível organizar uma visita privativa e personalizada às atrações da cidade.

A MSC conta com 11 cruzeiros marítimos internacionais com a experiência MSC Yacht Club, que são:

  • MSC Grandiosa: será inaugurado em novembro de 2019, com novas experiências e que tem como principal destino os países da Europa;
  • MSC Bellissima: conta com itinerários que passam pela Europa, Ásia e os Emirados Árabes;
  • MSC Seaview: que navegam pelo Mar Mediterrâneo, contam com roteiros pela Europa, Emirados Árabes e América do Sul;
  • MSC Seaside: navega exclusivamente pelos mares caribenhos, com vários roteiros que passam por diversas praias paradisíacas;
  • MSC Meraviglia: este tem roteiros que navegam pela América do Norte, Caribe, Europa e até alguns que saem dos Estados Unidos para a Europa;
  • MSC Preziosa: navega por diversos países da Europa e pelo Caribe;
  • MSC Divina: traz entre as opções de roteiro a Europa, os Estados Unidos e o Caribe;
  • MSC Splendida: a embarcação navega pelos continentes da Ásia, Europa, África e pelos mares caribenhos;
  • MSC Fantasia: navega por diversos países da Europa e América do Sul.

Nos próximos anos, a MSC irá lançar novos navios que prometem ter todas as suítes com a experiência Yacht Club, um cruzeiro totalmente luxuoso. O objetivo é proporcionar melhores oportunidades de viagem aos clientes.

 

1 Comentários

Deixe seu comentário

Galeria Fotos

    Ligamos pra você

    Nós ligamos pra você

    Enviar